Posts recentes

Tags

Nenhum tag.

O que pode ser essa mancha nos olhos?


hemorragia subconjuntival

A hiposfagma ou hemorragia subconjuntival, popularmente conhecida como derrame ocular, é uma condição que, pelo nome e aparência, assusta muita gente. Nela, o rompimento de um dos vasos sanguíneos da conjuntiva (a membrana que reveste o olho) faz com que surja uma mancha vermelha na parte branca dos nossos olhos e nos coloque em alerta. Esse quadro é mais comum em pessoas com hipertensão arterial, diabéticos ou em decorrência de microtraumas oculares. Além disso, essa hemorragia está ligada a ações de esforço excessivo, como tosse forte e repetitiva e movimento de náuseas, pois estes são capazes de aumentar a pressão venosa e favorecer o rompimento dos vasos. Aqui estão mais algumas informações que você deve saber sobre a hemorragia subconjuntival: - Apesar de assustar pela aparência, esse não é um caso de emergência; - Na maioria dos casos o derrame ocular não altera a qualidade da visão; - Ao notar a mancha, procure um médico, pois somente ele será capaz de identificar o problema e te certificar de que não há nada mais sério; - O risco é maior entre idosos, hipertensos e diabéticos, pois estes já têm uma fragilidade vascular maior; - Fique atento(a) se há outros sintomas, como dor, coceira ou secreção. Eles podem indicar um outro problema. Como tratar? Ao diagnosticar a hemorragia subconjuntival, são poucas as intervenções médicas. Normalmente, esse quadro se reverte espontaneamente em até duas semanas. Em alguns casos, o oftalmologista pode indicar o uso de compressa fria no local ou colírios, principalmente os que têm pequena dose de vaso constritor. Essas duas ações ajudam a contrair os vasos e controlar a hemorragia. Procure um médico. Fonte: Conselho Brasileiro de Oftalmologia

#saúdeocular #Aconselhamento #oftalmologia