Por que sinto pontadas fortes nos olhos?

18 Dec 2019

A visão com certeza é um dos sentidos mais importantes, por isso devemos cuidar muito bem da nossa! Assim, é preciso ficar atento a qualquer sintoma que não pareça normal, já que, se você está sentindo alguma dor nos olhos, é sinal que alguma coisa não está certa. Além de alergias ou traumas oculares, dores ou pontadas nos olhos podem ser derivados de muitas outras lesões, como dengue, infecções e até glaucoma. Assim, você deve procurar ajuda especializada o mais rápido possível para evitar qualquer consequência mais grave para a sua visão.

MAS PRIMEIRO, QUAIS OS TIPOS DE “DORES NOS OLHOS”?

Aquelas pontadas que às vezes sentimos normalmente vêm acompanhadas de ardência e dor latejante, como se estivessem dando agulhadas dentro ou em torno do olho. Ou então, como se houvesse algum objeto estranho no globo ocular. Além da vermelhidão e ardor, é possível sentir fadiga ocular, como também dores de cabeça, olhos secos, visão turva e cansaço. Alguns sintomas específicos podem ser determinantes, como:
• Dor ao movimentar os olhos: pode ser sinal de cisco no olho ou cansaço da vista;
• Dor atrás dos olhos: pode ser dengue, sinusite, neurite;
• Dor no olho e dor de cabeça: pode indicar problemas de visão ou gripe;
• Dor e vermelhidão: é um sintoma de inflamação no olho, como conjuntivite;
• Dor ao piscar: pode ser sintoma de terçol ou de cisco no olho;
• Dor no olho e na testa: surge frequentemente em casos de enxaqueca.

E QUAIS SÃO AS CAUSAS MAIS COMUNS DE DORES OCULARES?


Bom, você já sabe que as infecções e inflamações são as causas mais comuns de dores nos olhos, isso por conta do próprio processo inflamatório. No entanto, existem alguns outros casos em que deve se prestar muita atenção, olha só:

• CERATITE: inflamação na córnea de origem infecciosa ou não. Pode ser causada por vírus, fungos, microbactérias ou bactérias, mau uso de lentes de contato, ferimentos ou pancadas no olho. Leva à dor ocular, diminuição da visão, sensibilidade à luz e lacrimejamento excessivo nos olhos.

• CONJUNTIVITE: inflamação na superfície interior das pálpebras e na parte branca do olho, causando vermelhidão, secreção e inchaço nos olhos. Normalmente é causada por vírus ou bactérias, por isso é tão facilmente transmitida de pessoa a pessoa. Entretanto, pode ocorrer devido a alergias oculares.

• UVEÍTE: muito confundida com a conjuntivite, esta é uma infecção em qualquer lugar do revestimento interior pigmentado do olho, área denominada “úvea”. Este tipo de infecção, no entanto, pode ser muito mais agressiva e levar à graves consequências.

• BLEFARITE: inflamação na borda das pálpebras, pode gerar crostas como escamas espessas, úlceras superficiais ou vermelhidão e inchaço na região.

• USO ERRADO DE LENTES DE CONTATO: pode causar inflamações e infecções nos olhos que levam à dor, vermelhidão e coceira, além de problemas mais graves como úlceras ou ceratite.

• OLHOS SECOS: são vários motivos que alteram a qualidade da lágrima, responsável por lubrificar o globo ocular. Esse problema causa sensação de agulhadas e queimação, especialmente em ambientes com ar condicionado, ao andar de bicicleta ou após ficar algumas horas olhando para a tela do computador.

• GLAUCOMA: engloba um conjunto de doenças oculares que levam à danos no nervo óptico e irregularidades na pressão intraocular, e, dependendo do tipo de glaucoma, os sintomas podem incluir vômitos, náuseas, vermelhidão, nebulosidade e dor nos olhos.

• GRIPE: infecções no corpo como gripe e dengue pode causar sintomas de dor de cabeça e dor nos olhos, que diminuem à medida que o organismo combate a doença.

• SINUSITE: inflamação dos seios nasais e normalmente causa dor de cabeça e também causa dor atrás dos olhos e o nariz. Além disso o paciente pode apresentar outros sintomas não relacionados a sinusite como dor de garganta e dificuldade para respirar, principalmente num quadro viral.

• ENXAQUECA: causa intensa dor de cabeça, especialmente afetando somente um lado da face, e por vezes há sintomas como tontura e sensibilidade à luz, havendo necessidade de usar óculos de sol para se sentir melhor. No caso da cefaleia em salvas, a dor afeta a testa e somente um olho, com intensa dor, além de lacrimejar e corrimento nasal. Já no caso da enxaqueca com aura, além da dor nos olhos, podem surgir luzes piscando.

• NEURITE ÓTICA: manifesta-se através de sintomas como dor ao movimentar os olhos, que pode afetar somente um ou dos dois olhos, além de diminuição ou perda da visão de forma repentina, e alteração no teste de cores. A dor pode ser moderada ou grave e tende a piorar quando o olho é palpado. Pode ocorrer em pessoas que tem esclerose múltipla, mas também pode acontecer em caso de tuberculose, toxoplasmose, sífilis, SIDA, viroses da infância, como caxumba, catapora e sarampo, e outras como doença de Lyme, doença da arranhadura do gato, e herpes, por exemplo.

• NEUROPATIA OCULAR DIABÉTICA: é uma neuropatia isquêmica, que é a falta de irrigação do nervo óptico, e não causa dor. Esta é uma consequência em diabéticos que não mantiveram sua glicemia controlada de forma adequada a maior parte do tempo.

• NEURALGIA DO TRIGÊMEO: causa dor nos olhos, mas geralmente somente um olho é afetado, de forma abrupta e intensa, parecida com a sensação de choque elétrico, além de intensa dor na face. A dor ocular pode durar de apensas alguns segundos até a dois minutos. Pode acontecer várias vezes ao dia, em horários espaçados.

-
Viu só quanta coisa? Por isso, se você tem sentido alguns desses sintomas é preciso procurar um oftalmologista urgentemente. Entenda que dor nunca é normal, é sinal de que tem alguma coisa não funcionando corretamente no seu corpo!
-
Ficou com alguma dúvida ou precisa de alguma orientação? Estou à disposição para te ajudar! Entre em contato e marque um atendimento.

 

Please reload

Posts recentes

Hepatite C afeta mais de 200 mil pessoas no Brasil e pode causar problemas nos olhos.

5 May 2020

4 exames de olhos que você precisa fazer sempre

16 Apr 2020

Tomar muito CAFÉ pode causar GLAUCOMA?

5 Mar 2020

1/1
Please reload

Tags

Please reload

©  2018 Todos os direitos reservados à  Dr. Marcelo Menegatti

Desenvolvido por

logo_LOGO ORIGINAL FUNDO ESCURO YBRIDA_edited.png